segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Vida próspera?

Quebrar Quebrar, Quebrar...Enfraquecer, enfraquecer, enfraquecer...Sofrer, sofrer, sofrer...

"Bem aventurado o homem que sofre a tentação, porque quando for provado receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam" Tg 1:12

Esse fim de semana uma amiga me falou algo que fiquei pensando: "Rosana o evangelho da prosperidade
não se refere só ao dinheiro não... é tudo! Nós temos vivido um evangelho de prosperidade quando não queremos conflitos em nossos relacionamentos, não queremos atritos, nem dores, chateações, não queremos ficar magoados,não queremos crises e nem desavenças, queremos viver bem, que no final de tudo certo, queremos ser felizes!"
Jesus nos ensinou o que é viver de verdade quando chorou a morte de Lázaro, quando pediu para que seus discipulos vigiassem com ele na noite dolorosa no Getsemani, quando moveu-se de intima compaixão, quando agitou-se no espirito, quando lavou os pés de seus discipulos, quando falou a verdade, Quando sofreu. O nosso amor humano e limitado tem nos permitido a ver apenas aquelas coisas que não nos causam dor como coisas boas, apenas os relacionamentos "prósperos" e sem atritos como os que "Deus deu", apenas momentos de alegria e festejo como a parte boa da vida. Quando na verdade o nosso mestre aqui na terra nos ensinou muito mais sobre o sofrimento do que sobre a vitória. Bem aventurado o homem que sofre, porque o homem que não sofre não poderá também ganhar a coroa da vida, não poderá experimentar a vitória, não poderá viver de verdade. O homem que não se chateia com o outro não sabe o que é o perdão, o homem que não tem amigos que possa com ele brigar não sabe o que é ter relacionamento.O homem que não sente dor não sabe o que é o discipulado de Jesus, o homem que não se sente fraco e nem demostra fraqueza não pode ser fortalecido pela graça, o homem que não sabe chorar e pedir consolo não pode encontrar descanso...
A coroa da vida está reservada para aqueles que não se privam de sofrer...
Quando a tentação vier, sofra. Não viva querendo desviar-se do sofrimento e sendo assim enganado a si mesmo de que és um vencedor.

8 comentários:

Renata Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Renata Medeiros disse...

:)

Dizemos que não concordamos com o evangelho da prosperidade mas todos, todos nós, nas motivações do coração, desejamos que tudo sempre vá bem, desejamos o melhor, desejamos o que não temos... enfim...
Essa coisa toda de evangelho da prosperidade é apenas uma de todas as escadas que foram construídas para que o homem alcance o topo do sucesso. Mas Jesus disse uma vez que o valor da vida de um homem não se baseia na riqueza que tem.
A vaidade, o orgulho, a ganância, inveja e ciúme estão dentro de nós!
Não é o que entra no homem que contamina o homem, mas o que sai do homem é o que o contamina.
E o Evangelho do Reino de Deus vêm para esse coração perdido, quebrado, "sem jeito", dominado pelo pecado...
Jesus vem e nos transforma a partir desse coração, caminhada que nos conduz à liberdade e ao pleno conhecimento do Filho de Deus!
Busquemos pois então, em primeiro lugar, o Reino de Deus!!

lindo texto!! beijo :)

Jonatas Adan disse...

Nussa ! Matou a pau !

Vou fazer vários CtrlC + CtrlV aqui, desse texto pro resto da minha vida !

Venha Rei com teu reino, evangelho pleno !

Juliane Oki Carraro disse...

Deus está nos ensinando a dádiva do sofrimento. Sou a grata a Ele, por me ensinar tanto neste tempo de dor. Porque foram esses tempos que aperfeiçoaram em mim o caráter de Cristo. Que Ele continue te inspirando. Uma excelente semana, cheia da presença dEle, porque a presença dEle nos basta. Bjss, Jubys.

Jaqueline Kessler Slongo disse...

Uau!

Jaqueline Kessler Slongo disse...

Uau!

Éverton Vidal Azevedo disse...

Jesus disse que no mundo teríamos afliçoes, até pelo óbvio, viver é também sofrer. A dor é o sal que dá um certo gostinho à existência. Fugir da dor é fugir da vida.

Eu discordo do Evangelho da prosperidade, é claro que eu creio numa prosperidad bíblica que é mais do que ter o último corola e uma casa em Buzios. Prosperidade evangélica é viver feliz com aquilo que nos foi concedido ter, e principalmente feliz com o que Deus nos fez/faz/fará ser.

Saudades daqui também Rosana.
Bj!

Daniel. disse...

Legal. Sofrer é uma boa sugestão. =] Pena que quase ninguém pense assim, e menos gente ainda viva assim.