quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Uma oração.


Quero saber aproveitar a vida que me deu
Quero poder aceitar a vida que sou eu
Me amar ao receber que me amas
Poder pular, dançar, correr com força
Confiar, acreditar!
E se eu cair não desistir, mas saber que é apenas o começo novamente...
Quero correr com paciência e jamais desistir por não saber como correr.
Ensina-me que me ensinas...
E o lugares para onde me levas sempre vai dar em você
Sim, esse é todo o meu prazer...
Não me deixes impressionar apenas com as flores, as cores do caminho.

Porque mesmo te amando sou tola e sei me distrair
Puxa-me com as suas cordas quando qualquer coisa aqui me pareça mais atraente do que você.
Ai, lá, aqui, acolá, está sempre junto em tudo, sempre continuamente...
Posso eu ainda duvidar?

2 comentários:

barbara disse...

aai ..
amém!
"Quero correr com paciência e jamais desistir por não saber como correr."

Raphael Rap disse...

Breve oração que creio deve refletir nossa busca diária: viver se entregando...

Muito bom...